A ideia já estava na cabeça de Sofia Calheiros há 30 anos. Mas os tempos eram outros e na altura não havia a tecnologia necessária para que o projeto ganhasse vida (os telemóveis que hoje tanto utilizamos para resolver qualquer assunto profissional, por exemplo). No ano passado, quando-as-novas-tecnologias-já-jogavam-a-favor-da-empresária, Sofia Calheiros decidiu avançar e lançou o Call Coaching, um novo serviço por telefone que permite a uma pessoa ter sessões curtas de coaching em situações de SOS, em qualquer lugar, e sem a necessidade de marcar uma sessão presencial.

A inspiração para criar este projeto surgiu a partir da SOS Voz Amiga, a primeira linha telefónica de ajuda em Portugal lançada em 1978. “Na altura, achei o projeto SOS Voz Amiga muito interessante. Era uma linha de atendimento telefónico pública para onde as pessoas podiam ligar quando se sentiam sozinhas e precisavam de alguém com quem falar. Às vezes, nem tinham um problema, só precisavam mesmo de conversar”, relembra. Sofia Calheiros é atualmente executive coach, certificada pela International Coach Federation, e foi uma das primeiras profissionais a trabalhar na área em Portugal. Nos últimos anos, na sua empresa de coaching e consultoria – Sofia Calheiros & Associates –, a empresária começou a atender muitos executivos “fora de horas”. Que é como quem diz, fora das sessões de coaching agendadas. “Quando estavam sozinhos, principalmente em trânsito ou a viajar – em que tinham de fazer escala num país –, muitos clientes ligavam-me para conversar. E acabávamos por fazer uma sessão de coaching. Isto começou a acontecer várias vezes, como se fosse uma sessão entre sessões de coaching, e como se fosse um pedido de SOS”, conta. A coach percebeu que aquela ideia que tivera há 30 anos fazia agora todo o sentido. “Se as pessoas têm esta necessidade, porque não criar uma linha de atendimento, num formato SOS, para que as pessoas possam falar com um coach a qualquer hora? E foi então que decidi lançar o Call Coaching no ano passado, em maio de 2018”. A empresária adianta que o serviço pode ser utilizado para situações urgentes ou só para conversar, tal como acontecia com a linha SOS Voz Amiga. “Às vezes os empresários só precisam de falar sobre uma ideia. E nós estamos cá para ouvir. O objetivo é ajudar as pessoas de uma forma rápida e num momento em que realmente precisam. Seja sobre uma apresentação que vão ter no dia seguinte, seja sobre uma reunião com um cliente importante, ou porque vão começar a gerir uma equipa multicultural com pessoas de diferentes países e precisam de falar com alguém sobre o tema em voz alta”, adianta.

“Os executivos e gestores admitem que o facto de estarem à distância e de as sessões serem mais curtas aumenta mais o foco no tema a falar.”

O Call Coaching funciona de forma muito simples. Basta aceder ao website
www.callcoaching.eu, solicitar a chamada SOS, explicar de forma sucinta o motivo da chamada e fazer o pagamento online. Em menos de duas horas, um coach certificado da equipa da Sofia Calheiros & Associates irá entrar em contacto pelo meio de comunicação indicado pelo cliente. “Os nossos clientes escolhem maioritariamente a chamada telefónica através do telemóvel, mas também fazemos sessões de coaching através do WhatsApp, FaceTime, Skype, Zoom, entre outras aplicações. Hoje em dia, com a tecnologia disponível existem tantas ferramentas e tantas maneiras para falarmos”, revela a empresária. A sessão SOS dura 20 minutos e tem um custo de 150 euros. Para além desta solução, a Call Coaching também oferece a possibilidade de agendar as chamadas, escolhendo o dia e a hora, e até o coach. Neste caso as chamadas têm a duração de 50 minutos e custam entre 300 e 380 euros (há pacotes de chamadas com descontos que vão até aos 15%). Atualmente as chamadas são feitas em horário laboral, entre as 9 horas e as 18 horas.

Quais as grandes vantagens deste serviço de coaching? – perguntámos a Sofia Calheiros. “A grande vantagem é que está à distância de um clique, de uma chamada. E também não implica deslocações. A pessoa não tem de sair do sítio onde se encontra, pode fazer uma sessão de coaching através do telefone ou WhatsApp a partir de casa, do escritório, em qualquer lugar, e numa hora que lhe seja mais conveniente”, justifica. Além disso, e segundo a empresária, “os executivos e gestores admitem que o facto de estarem à distância e de as sessões serem mais curtas – porque as sessões presenciais são sempre de uma hora – aumenta mais o foco no tema a falar. E depois, pelo simples facto de não estarem a ver a outra pessoa (o coach), conseguem falar mais à vontade e de forma mais aberta. Não se sentem criticados, não se sentem avaliados.”

O feedback sobre o serviço tem sido bastante positivo, segundo Sofia Calheiros. O Call Coaching tem sido procurado por empresários e gestores que trabalham na área de telecomunicações, banca, tecnologias de informação, entre outras.