Bons Negócios

Paulo Gomes

Meet the Leader  |   14 Mar 2016

Joga futebol de salão com uns amigos uma vez por semana. Aos fins de semana, pela manhã, dá umas corridas para se manter em forma. Mas o seu “desporto” favorito é o outro: o Carnaval. Há 30 anos que é assim. “Vou todos os anos mascarado ao maior Carnaval do País, o de Torres Vedras. Não falho. São tradições que ganham cada vez mais adeptos vindos de outras localidades. Para mim, já é uma tradição”, confessa Paulo Gomes, diretor-geral da Digit. Mas o Carnaval são só três dias, como se costuma dizer, e durante o resto do ano o empresário dedica-se ao primeiro e “maior” desafio da sua vida: a Digit, a sua empresa, com sede nas Caldas da Rainha, que vende e aluga soluções Xerox, tais como multifuncionais, copiadoras, impressoras e software de gestão documental e accounting. “Sinto orgulho naquilo que consegui. O maior desafio na minha vida, até agora, foi criar uma empresa e implementar o nome da Xerox em vários concelhos. Somos consultados como referência no mercado”. A conquista, adianta o empresário, é fruto da sua “capacidade de trabalho”, o seu ponto forte enquanto profissional. Mas, além disso, acredita que uma boa gestão de equipa é fundamental para o sucesso. “Temos de ter as pessoas motivadas e com formação adequada para um excelente desempenho. Tenho a sorte de ter um team fantástico. Sou exigente. Gosto de saber como, porquê, tudo! Temos de tentar todos os dias sermos melhores que no dia anterior”, defende. Paulo Gomes é firme com os seus colaboradores mas só porque acredita na sua equipa. “Gosto de lidar com pessoas. Comecei a trabalhar como técnico de informática mas depressa percebi que queria ser comercial, de andar na rua a visitar clientes. Hoje, muitas vezes, saio com os comerciais para os acompanhar nas suas reuniões. Gosto disso. E principalmente de ver os clientes satisfeitos. Sinto-me realizado quando um cliente tem o equipamento a funcionar em pleno. Quando os seus objetivos de redução de custos e de aumento de produtividade são alcançados”, revela.

"A vantagem das cidades pequenas é que se conhece toda a gente. O que também pode ser uma desvantagem. Se não trabalharmos bem corremos para o insucesso"

O mais importante de qualquer negócio é conseguir corresponder às expectativas de um cliente. Em cidades pequenas, como Caldas da Rainha, ainda mais. Porquê? “A vantagem das cidades pequenas é que se conhece toda a gente. O que também pode ser uma desvantagem. Se não trabalharmos bem corremos para o insucesso. É como uma aldeia. És reconhecido quando trabalhas bem. Mas quando erramos, toda a gente sabe rapidamente. Temos que fazer tudo por tudo para fazer bem à primeira”. É esse o foco do empresário, para o seu futuro, fazer um bom trabalho desde o início. E as coisas até têm corrido bem. Este ano inauguraram a loja online da Digit que já está a funcionar em pleno. 

Partilhe este artigo

Comentários  |  0 Comentários

Máximo 600 caracteres | Política de Comentários

Submeter
Subscrever Newsletter