Bons Negócios

MUB cargo dá boleia às suas mercadorias

Notícias  |   25 Nov 2016

Procurar um serviço de transporte para a sua mercadoria vai tornar-se mais fácil graças às novas tecnologias e aos empreendedores portugueses. Uma equipa de quatro pessoas, composta por alunos e antigos alunos da Porto Business School, decidiu criar uma aplicação para telemóvel com o objetivo de facilitar a vida de quem procura "boleia" para transportar uma mercadoria. E porquê? Porque o processo tradicional, de procurar e contactar várias transportadoras para pedir orçamentos, era muito moroso. Assim, através da MUB cargo, como se chama a nova app, é possível colocar em contacto na mesma plataforma quem precisa de transportar uma mercadoria com uma rede alargada de transportadores.
E como funciona? Depois do registo, o utilizador deve dar algumas informações sobre a mercadoria que quer enviar, como a quantidade, as dimensões e o peso. Deve ainda incluir uma fotografia do produto e indicar as moradas e as datas de recolha e de entrega. A partir daí, vai começar a receber diferentes propostas de serviço das empresas transportadoras parceiras que fazem parte da rede da MUB cargo. Depois, o utilizador só tem de selecionar a que parecer melhor, tendo em conta o preço e a avaliação do transportador, e as datas de recolha e entrega. O pagamento, segundo informações no website da startup, é feito através da aplicação. Um detalhe: a mercadoria pode ser acompanhada em tempo real e, no final do processo, o utilizador pode avaliar a sua experiência. A MUB cargo está disponível para o transporte de todo o tipo de objetos, desde mercadorias pesadas, a documentos, medicamentos, vestuário, mobília ou tecnologia.
O lançamento oficial da MUB cargo foi no passado dia 17 de novembro e até à data já foram investidos cerca de 80 mil euros para a fase de arranque do projeto. Está incubada na Startup Braga e conquistou recentemente o lugar de finalista do Prémio Inovação NOS 2016, que se realiza a 5 de dezembro deste ano.

Partilhe este artigo

Comentários  |  0 Comentários

Máximo 600 caracteres | Política de Comentários

Submeter
Subscrever Newsletter